28/10/10

Carta ao Papai Noel

Hoje me dei conta de como o ano passa rápido. Parece que foi ontem que crianças da comunidade Frei Damião ficaram chateadas porque Papai Noel não apareceu por lá, por conta das chuvas que inundaram as valas em frente às casas.

Convenhamos que a época de Natal é uma época onde as pessoas ficam mais sensíveis, educadas, solidárias com o próximo, parece que os problemas diminuem e as soluções aparecem.

Como está faltando menos de dois meses para o Natal, penso que seria bacana em fazermos algo em prol de alguém - principalmente das crianças da comunidade Frei Damião - que, em sua maioria, passam esta data em branco.

Juntando o útil ao agradável, pensei em algo que utilizasse da criatividade das crianças por um bom motivo e criei a cartinha abaixo, fiz cópias e, em parceria com a Padaria Mãe Maria (sempre presente em todas as campanhas), começamos a distribuir para crianças da comunidade. Serão, em média, 150 cartas distribuídas.

(clique na imagem para ampliá-la)

Combinamos que a padaria será o ponto de entrega e recebimento das cartinhas. Colocamos uma caixa com motivos natalinos para que as crianças possam depositar seus pedidos ao Papai Noel devendo ser feito até o dia quinze de novembro.

Na data estipulada, vou publicar todas as cartas para que, quem tiver interesse em "adotar" uma, poderá entrar em contato comigo pelo endereço contosoficiais@gmail.com. Caso a criança escolhida já tenha sido adotada, respondo o e-mail informando para que, se for o caso, seja escolhida outra.
.
Assim que recebem a cartinha para escrever, são avisadas que serão escolhidas 15 cartinhas com a melhor história e o Papai Noel mais colorido. Claro que isso não é verdade, pois o objetivo é realizar o desejo de todas as cartinhas recebidas, mas para evitar muita expectativa caso acontecer de alguma carta não ser adotada e não conseguirmos o objetivo desejado, bem como para não pedirem algo muito caro e ficarem de fora neste Natal.

Uma observação importante: vale lembrar que, mesmo assim, algumas crianças podem pedir presentes grandes, como "uma bicicleta" ou um "uniforme do Real Madrid", como já aconteceu num orfanato onde eu frequentava. Naquela ocasião, as pessoas não sabiam o conteúdo das cartas e assim ficava complicado de comprar o presente desejado. Mas, usando o bom senso, a senhora que recebeu a cartinha do menino pedindo o uniforme do Real Madrid, comprou outro presente e respondeu a carta - como se fosse o Papai Noel - explicando que há muitas crianças que assim como ele, também queriam presentes no Natal. Pronto, resolvido. Não passou em branco, o que é mais importante.

Sei também que nesta época, muitas empresas gostam de fazer boas ações no Natal e muitas vezes não sabem como. Portanto, divulgue o blog, repasse o e-mail de contato (contosoficiais@gmail.com) e sugira que a empresa "adote" as cartas já que muitas não sabem como e quem ajudar.

Quando eu fizer a publicação das cartas no blog, já informarei a data e o local da entrega dos presentes e, obviamente, que TODOS estão convidados.

Neste intervalo de tempo, entre a publicação e a data da entrega, o próximo passo é conseguir uma fantasia de Papai Noel e quem possa se passar por ele. Aliás, quem puder dar uma opinião com relação à isso, agradecemos, inclusive alguma atividade a mais que podemos fazer na data da entrega.

Tenham a certeza - por experiência própria - que o melhor presente que podemos receber no Natal é ver o sorriso de felicidade e agradecimento de uma criança carente quando é lembrada numa data como esta que geralmente passa despercebida.
.
Portanto, vamos deixar a comodidade de lado, principalmente, nessa época em que todo mundo fica (ou deveria ficar) mais sensível e solidário e entre no clima de Natal!


Já que estamos falando em solidariedade, a UNIT Floripa - que fez uma bela campanha de doação de lanche e briquedos no último dia 16 - está realizando um ALMOÇO BENEFICENTE em prol da comunidade Frei Damião que será realizado no dia 21 de novembro, ao meio-dia, na Sociedade Novo Horizonte, no bairro Agronômica em Florianópolis.

Para maiores informações e entrar em contato, clique no convite abaixo: